53 dias: getting lost…

Outra apresentação do Max Wilson: Extended Searching Sessions and Evaluating Success

Foco dos tipos de comunidades:

  • Precisão
    • os resultados encontrados são relevantes?
    • quantos deles são relevantes?
    • conseguimos todos os que são relevantes?
  • Qualidade
    • conseguiram o resultado certo?
    • quanto tempo levaram?
    • quantas iterações foram necessárias?
  • Sucesso
    • fizeram um bom trabalho?
    • como a Interface de Usuário afetou a tarefa?
    • a tarefa de alto nível motivacional foi alcançada com mais sucesso?

Work-tasks: information intensive activities that lead to search: planning holidays, buying a car

Artigo possivelmente interessante: Investigating behavioral variability in web search. (White, Ryen W., and Steven M. Drucker.) Baixei para averiguar.

Wilson cita estudos feitos com cerca de 20 sessões por participante, com 7 participantes. Sua meta é 12 pessoas, e cerca de 200 sessões. Não sei se consigo fazer isso.

Cartões de tarefas com algumas informações:

  • Número da sessão
  • Nome da sessão
  • Número do Histórico
  • Propósito da Busca
  • Encontrou o que buscava com sucesso? (sim ou não)

Preciso entender direito qual o propósito deste estudo, e com quem foi conduzido. A meta eram os usuários finais, ou demonstrar para estudantes como conduzir estudos? Esse é um dos problemas de estudar por slides… >.< Falando nisso, sei que não é a melhor abordagem, mas me sinto mais confortável em pegar tais apresentações, como introduções a tópicos…

Um dos achados deles é que os conceitos do que é uma sessão rápida ou longa varia muito (por exemplo, de 30 segundos a 30 minutos, ou de mais de 5 minutos a mais de 1 hora).

Um aspecto interessante desse estudo é entender quanto tempo as pessoas estão dispostas a gastar com cada tipo de busca. E, a partir da importância que dão para cada tipo, entender que ferramentas são mais úteis ou seu limiar de frustração. Por outro lado, definir o que é uma busca de sucesso é mais fácil, aparentemente, para buscas mais específicas como no caso do fazDelivery…

Outro artigo que parece útil: Understanding Casual-leisure Information Behavior. E ainda: A Comparison of Techniques for Measuring Sensemaking and Learning within Participant-Generated Summaries. Baixei também…

Continuo me sentindo perdida em relação ao que estou fazendo em termos de estudo. O que eu deveria fazer? >.<‘

55 dias: ainda expandindo…

Em busca de um lugar para baixar o livro Search User Interface Design, do Max Wilson, encontrei slides de uma palestra dada por ele na University of Glasgow, para o grupo de Recuperação da Informação, em jullho de 2012, com esta temática:

O material tem detalhes bem interessantes, como taxonomia do design de uma interface de busca, com exemplos; detalhes de estudos feitos para avaliar melhores formas de interações e outras informações do gênero. Faz-me pensar que o livro pode valer a pena.

Taxonomia do Design para Interfaces de Usuário para Buscas:

  • Input features
    • search box
    • query-by-example
    • cluster / categories
    • taxonomies
    • facets
    • social annotations
  • Control features
    • query suggestions
    • corrections
    • sorting
    • filters
    • groupings
  • Informational features
    • Snippets
    • Usable info
    • Thumbnails
    • Previews
    • Relevance info
    • 2D & 3D visualization
    • Guiding numbers
    • Zero-click answers
    • Sign posting
    • Pagination
    • Social info
  • Personalisable features
    • Current-search
    • Persistent
    • Socialised

Ainda preciso terminar de olhá-lo. E de passar pra cá o que considero que pode ser interessante.

61 dias: esqueleto da apresentação com o Beamer (LaTeX)

Uma das exigências da professora de TCC II é que façamos uma construção incremental tanto do documento da monografia quanto da apresentação. Para este sábado que passou, eu precisava ter entregado as primeiras versões de ambas as coisas, já com o Referencial Teórico. Estou atrasada nisso; havia construído uma primeira versão do índice para a monografia e hoje, enquanto criava o esqueleto da apresentação, fui pensando como seria a estrutura, a partir dele.

Deu um pouco de trabalho para me entender com o Beamer, porque o LaTeX precisa compilar duas vezes para conseguir mostrar corretamente o sumário, nessas apresentações (a tableofcontents) e eu não lembrava disso. Depois o índice ficou grande demais e precisei dividi-lo em duas colunas, para ficar ok. Para tanto: usar o pacote multicol e, no frame do sumário, acrescentar:

\begin{multicols}{2} % indica em quantas colunas dividir \tableofcontents \end{multicols}

Fica o registro dessa primeira versão. Amanhã (que já é hoje) preciso render mais…

Estrutura da apresentação do TCC

Primeira versão da estrutura da apresentação

Acho que o processo me ajudou a amadurecer um pouco o que precisa aparecer na monografia. Amanhã vou fechar o ciclo e repensar as seções do índice – mas, principalmente, ler. E ver um cronograma. Agora também eu começo a sentir falta dele.