E agora? – Próximos passos no caminho do tcc

  • Quinta (12/12/13) faço apresentação oral de tcc I, última entrega da disciplina;
  • Na sexta, dei entrada no pedido de prorrogação de prazo (pra terminar no semestre que vem);
  • Vou estruturar a parte prática do projeto neste fim de dezembro e uma ou duas semanas de janeiro, e de preferência começar os testes de usabilidade (dependerá de conseguir pessoas);
  • Na verdade, eu gostaria de primeiro fazer uma avaliação heurística, então vou procurar duas ou três pessoas que se disponham a avaliar a interface do fazDelivery e, depois de sua avaliação, buscar trabalhar em alguma melhoria, como Nielsen sugere, antes de realizar os testes de usabilidade.

Por falar em Nielsen, este artigo do Nielsen Norman Group parece bastante útil neste momento: How to Run a Usability Test with Users Who Are on Your Site Now

Para a prototipação que talvez precise fazer, sugeriram o Axure RP numa lista de profissionais de computação que eu acompanho. A ferramenta é para PC ou Mac, e é paga (mas tem trial), mas achei bacana que eles dizem que dão licença free para bons estudantes da área. Não me candidatei porque precisa ter boa nota no semestre anterior e, bem, isso, especificamente, eu sei que não tenho. =/

Em tempo: semana passada, pós entrega, descansei um pouquinho, estruturei a carta e documentos que seriam anexados ao processo, voltei à rotina de exercícios (como isso é bom e faz bem!). Sexta, como disse, entreguei. Sábado foi meu aniversário (yays para mim), e hoje estou retomando as atividades.

39 dias: leituras rápidas

Por que pode ser interessante conduzir testes de usabilidade remotos? Remote usability tests: moderated and unmoderated, por Amy Schade:

Remote usability sessions don’t require either the participant or the facilitator to travel. As such, remote testing is a great solution for teams with limited budget, or for testing products whose users are geographically dispersed. Scheduling a series of online studies can be preferable and far less costly than traveling around the country or the world.

It is also a good solution in a tight timeframe— travel doesn’t have to be coordinated, and facilities for testing don’t have to be secured. Further, participants can be from any geographic area rather than concentrated in one location, which can make recruiting faster and easier.

Copiando isto porque eventualmente pode ser útil para o projeto conduzir alguns testes remotos, para aumentar a quantidade de avaliações feitas…

Outro, para não esquecer: usuários tendem a ignorar elementos que lembram anúncios. O que isso quer dizer? No caso do fazDelivery, por exemplo, que temos de tomar cuidado com nossas sugestões de estabelecimentos, porque senão o tiro pode sair pela culatra, e algo cujo objetivo era aumentar visitações pode passar em branco para a maior parte dos visitantes (tópico abordado uma vez mais pelo Nielsen Norman group no artigo Fight Against “Right-rail Blindness”, de Hoa Loranger).